PROTEÇÃO DE DADOS

Exercício do dever de informação

A ALDECO preocupa-se com a confidencialidade de todos os dados pessoais de que toma conhecimento no âmbito da sua atividade comercial, nomeadamente, de clientes, colaboradores, parceiros, entre outros.

Por essa razão, em conformidade com as disposições legais aplicáveis nessa matéria, nomeadamente o RGPD, irá adotar todos os procedimentos necessários a assegurar a proteção de dados pessoais bem como os mecanismos para que os respetivos titulares possam exercer os seus direitos.
Para isso criou internamente um procedimento que protege os seus colaboradores, clientes e parceiros.
Normalmente, os dados pessoais recolhidos pela Aldeco, limitam-se ao nome, endereço, número de telefone ou correio eletrónico, NIF, morada, mas poderão ser recolhidos outros dados necessários ao correto funcionamento da empresa e seu relacionamento com os portadores de dados, sendo estes dados usados apenas e só no âmbito de relações contratuais previamente estabelecidas.
Os dados pessoais recolhidos pela Aldeco serão conservados pelo prazo de 12 anos considerando a necessidade de dispor de contabilidade organizada e os prazos legais aplicáveis.
Mediante consentimento expresso pelo titular dos dados poderemos utilizar os contactos fornecidos para finalidades de marketing e publicidade, nomeadamente, remetendo a nossa newsletter e mensagens com informação promocional.
Para salvaguardar a proteção e correta utilização dos dados, a Aldeco aplica os seguintes princípios fundamentais na gestão e tratamento da informação pessoal: Segurança, Minimização e Qualidade dos dados, Responsabilidade e Transparência.

A qualquer momento poderá exercer o seu direito de aceder aos seus dados pessoais, alterá-los, solicitar a eliminação dos mesmos, ou outro tipo de informação relacionada, e poderá fazê-lo através de solicitação escrita para o seguinte e-mail qualidade@aldeco.pt ou através de carta registada direcionada ao departamento de qualidade da Aldeco, devidamente fundamentada.

A Comissão Nacional de Proteção de Dados (CNPD) é a autoridade administrativa competente, a nível nacional, para receber queixas e para fiscalizar o cumprimento das normais legais em matéria de proteção de dados pessoais.
Qualquer pessoa pode dirigir uma queixa à CNPD caso entenda que estão a ser indevidamente utilizados os seus dados pessoais.